Ameaça aos muriquis

Criticamente ameaçado de extinção, o muriqui-do-norte, ou mono-carvoeiro, enfrenta diversos desafios devido à redução da Mata Atlântica, às queimadas e à atuação de caçadores. No entanto, em um dos espaços que concentra o maior número de representantes da espécie, o Parque Estadual da Serra do Brigadeiro, existe um outro agravante: as redes elétricas. Um relatório elaborado por pesquisadores que atuam na preservação dos muriquis foi finalizado em março deste ano e revelou que os macacos estão sendo eletrocutados devido à falta de proteção dos fios. O risco é apontado pelos pesquisadores como uma das principais ameaças aos muriquis, que são os maiores macacos das Américas, podendo medir até 1,5m. A última morte de muriqui registrada foi de uma fêmea, cujo laudo foi feito em março deste ano. Além deles, aves e outros primatas correm perigo.

Leia mais:

http://www.tribunademinas.com.br/cidade/na-rota-dos-ameacados-muriquis-1.1329591

0 comentários deixe um →

Adicione um comentário no formulário abaixo.